Documento sem título
Você está em
Home > Destaques > Artistas cantam de graça na Parada Gay do Rio em meio à suspeita de cachê de R$ 50 mil para Daniela Mercury

Artistas cantam de graça na Parada Gay do Rio em meio à suspeita de cachê de R$ 50 mil para Daniela Mercury

No último domingo, foi realiazada a 22ª edição da Parada LGBTI do Rio de Janeiro, que contou com um seleto time de artistas. A representante baiana foi Daniela Mercury, que na semana anterior, se envolveu em uma polêmica por conta de um suposto cachê que a cantora teria recebido para se apresentar no evento. A assessoria da artista negou o recebimento de R$ 50 mil conforme publicado pelo colunista Leo Dias, do jornal O Dia.

Diferente da ‘Rainha do Axé’, que tem se tornado mais uma ‘Musa LGBT’ desde o seu casamento com a jornalista Malu Verçosa, outros nomes idolatrados pelos militantes parecem ter mesmo se apresentado de graça. Segundo Leo Dias, o produtor Sandro Souza foi o responsável por levar Preta Gil, Pabllo Vittar, Iza e Lexa para cantar na marcha e nenhuma das artistas teriam cobrado cachê para participar.

Deixe uma resposta

Top