Documento sem título
Você está em
Home > Destaques > Presidente do Atlético de Alagoinhas desmente secretário de Feira: ‘Nunca aconteceu’

Presidente do Atlético de Alagoinhas desmente secretário de Feira: ‘Nunca aconteceu’

por Leandro Aragão
Foto: Glauber Guerra / Bahia Notícias
O presidente do Atlético de Alagoinhas, Raimundo Queiroz, desmentiu o secretário de Cultura, Esporte e Lazer da prefeitura de Feira de Santana. Edson Borges havia declarado que o Carcará pediu para jogar no Joia da Princesa para a disputa do Baianão 2019, já que o Carneirão não teria condições de receber jogos (veja aqui).

“Isso não é verdade! Nunca aconteceu isso! Ele é mentiroso!”, esbravejou em entrevista ao Bahia Notícias. “O estádio aqui está pronto. Se o Fluminense de Feira quiser jogar aqui, eu libero”, completou.
De acordo com Queiroz, o estádio do Carneirão possui todos os laudos de liberação e que o Atlético nunca cogitou a hipótese de jogar em Feira de Santana.
“Os laudos nossos aqui estão válidos, se não me engano até maio do ano que vem. Não tem por que o secretário de Feira, que não tem nada a ver com Alagoinhas, fazer essa declaração”, ressaltou. “Em momento nenhum o Atlético pediu para jogar em Feira. O estádio daqui está prontinho, arrumadinho e bonitinho”, continuou.
Raimundo Queiroz ainda explicou o motivo do Carneirão não estar totalmente liberado. Segundo ele, a praça esportiva tem capacidade para oito mil pessoas, porém, com a reforma que foi feita o outro lado do estádio passou a ter condições para ser reaberto e abrigar mais oito mil lugares.

“Neste ano o Atlético disputou a segunda divisão e os laudos tem um ano de validade. Só que esse ano nós fizemos uma reforma no estádio. A parte que estava interditada há mais de 15 anos, nós conseguimos resolver a situação. A obra está pronta, mas falta a liberação dos órgãos competentes como Polícia Militar e Corpo de Bombeiros. Nós já fizemos a solicitação a eles e estamos aguardando a chegada deles para fazerem a vistoria para o estádio ser liberado. Por isso que está a definir, mas a própria FBF tem conhecimento que os laudos estão válidos. Agora, para a gente liberar a parte da geral, aí sim que a gente precisa de laudo. Se a gente não abrir a geral, os laudos ainda estão válidos”, explicou.

Em 2019, o Atlético de Alagoinhas vai disputar novamente a elite do futebol baiano. O primeiro jogo do Carcará no Carneirão será no dia 23 de janeiro, uma quarta-feira, a partir das 20h30, contra o Jequié, pela segunda rodada do Baianão.

Deixe uma resposta

Top